Este é um blogue livre de pontos de exclamação

Ilustração de Pedro Vieira
Banda sonora
últ. comentários
Olá, estou a estudar Português e eu aconteceram em...
Claro, tinha que ser Nan Goldin! linda foto...
Que excelente descoberta a minha. Este blog é uma ...
Nem o Godot, nem o Supra-Camões, nem o D.Sebastião...
Parabens pelo destaque nos Blogs do sapo
mais comentados
arquivo
subscrever feeds
Quarta-feira, 17 de Março de 2010

 

 

Uma edição Tinta-da-China, que já publica as crónicas do outro gato, Ricardo de Araújo Pereira. É favor clicar na imagem para mais detalhes.



publicado por Senhor Palomar às 14:47
link do post | comentar | partilhar
Quinta-feira, 17 de Setembro de 2009

 

Estas e outras fotografias (vale a mesma a pena a visita), bem como sinopse da obra e biografia da autora, disponíveis no website próprio promovida pela editora. Caderno Afegão é o mais recente título da colecção de viagens da Tinta-da-China, coordenada por Carlos Vaz Marques.



publicado por Senhor Palomar às 12:01
link do post | comentar | partilhar

Sexta-feira, 11 de Setembro de 2009

 

Via Twitter de Carlos Vaz Marques.



publicado por Senhor Palomar às 00:49
link do post | comentar | partilhar

Quarta-feira, 2 de Setembro de 2009

 

Edição da Tinta-da-China.


etiquetas:

publicado por Senhor Palomar às 03:18
link do post | comentar | partilhar

Sexta-feira, 26 de Junho de 2009
A não perder no Ípsilon de hoje a reportagem de Alexandra Prado Coelho dedicada a "Veneza", de Jan Morris (Tinta-da-China), que conta com testemunhos da autora. Tradução de Raquel Mouta (excelente, segundo avança o coordenador desta colecção de viagens, Carlos Vaz Marques).

Ler ainda a crítica de Eduardo Pitta, que atribui 5 estrelas à obra: «Morris adverte que não se trata de um livro de história, nem de um guia, nem sequer de uma reportagem. Ignore os avisos. O índice remissivo contém todas as referências importantes, e uma cronologia entre o ano 421 e 1960 não deixa nada de fora. O índice onomástico é precioso. Convém perceber que falamos de uma sociedade fechada: «Veneza nunca foi amada. Sempre esteve à parte, sempre foi invejada, sempre suspeita, sempre temida. [...] Era o leão que caminhava sozinho.» Ler na íntegra aqui.

O Senhor Palomar já tinha falado desta obra aqui.

publicado por Senhor Palomar às 13:34
link do post | comentar | ver comentários (1) | partilhar

Segunda-feira, 22 de Junho de 2009
É verdade que o Senhor Palomar prefere livros sobre a implantação da República aos sucedâneos da Maddie, do Ronaldo, da Princesa Diana (deve ser isto que se chama google marketing), mas, ainda assim, não pode deixar de notar que, a partir de agora, começará a avalanche de livros (comemorações, condecorações, debates, jantares) dedicados ao 10 de Outubro de 1910. A Tinta-da-China toma a dianteira e apresenta o primeiro (de muitos):



publicado por Senhor Palomar às 08:45
link do post | comentar | partilhar

Quarta-feira, 17 de Junho de 2009


Numa edição lindíssima, mais um capítulo da colecção coordenada por Carlos Vaz Marques, jornalista que apresenta a obra: «O livro que tem nas mãos, caro leitor, é já um clássico. Publicado originalmente há meio século, é muitas vezes referido como o livro sobre Veneza. Nele, Jan Morris entrelaça o H grande da História com um apuradíssimo sentido de observação para o h pequeno das histórias do quotidiano. É assim – para dar apenas um exemplo comezinho – que ficamos a saber porque há tantos gatos e porque deixou de haver cavalos em Veneza. »

Ler aqui, na íntegra, o texto de Carlos Vaz Marques.

Tradução de Raquel Mouta.


publicado por Senhor Palomar às 08:21
link do post | comentar | partilhar


pesquisar
 
posts recentes

Este é um daqueles livros...

Caderno Afegão, de Alexan...

Uma página de "O Caderno ...

John Keegan em versão eco...

Veneza, Jan Morris (Tinta...

ligações
etiquetas

agradecimentos e referências ao sr. palo(76)

alêtheia(2)

angelus novus(3)

antígona(5)

assírio e alvim(9)

autores(508)

bertrand(7)

bibliotecas(5)

campo das letras(2)

casa das letras(2)

contraponto(1)

da literatura e de outras artes(58)

desaparecimentos(3)

design editorial(2)

divulgação(49)

e agora para algo completamente diferent(9)

edições 70(4)

edições nélson de matos(1)

editorial presença(8)

efemérides(2)

escritor é um bicho violento(6)

estado(1)

eventos(7)

fixações listas tops e directórios do sr(80)

gradiva(3)

guerra e paz(2)

guimarães editores(5)

histórias do livro(53)

leya asa(2)

leya caminho(11)

leya lua de papel(3)

leya oceanos(8)

leya publicações dom quixote(35)

leya teorema(11)

livreiros e livrarias(2)

livro de reclamações(1)

livro electrónico e outros gadgets(10)

livros(188)

manifestos(6)

nova vega(1)

o esplendor de portugal(1)

o senhor palomar agradece(8)

o senhor palomar ainda vai à bancarrota(1)

o senhor palomar confessa-se(34)

o senhor palomar dialoga(2)

o senhor palomar é falível e erra(3)

o senhor palomar entrevista(1)

o senhor palomar está ao serviço da comu(2)

o senhor palomar faz serviço público(1)

o senhor palomar não gosta de dar estas(1)

o senhor palomar recomenda(24)

o senhor palomar reflecte(1)

o senhor palomar responde(1)

o senhor palomar tem dúvidas(16)

o senhor palomar vai a votos(1)

oficina do livro(2)

penguin(1)

planeta(1)

polémicas(54)

porto editora(14)

prémios e distinções(29)

profissionais da edição(9)

quetzal editores(26)

quidnovi(1)

recensão literária(57)

relógio d'água(6)

revistas imprensa magazines(13)

saída de emergência(1)

sextante editora(1)

teatro(2)

tendências e géneros(14)

tinta-da-china(7)

todas as tags