Este é um blogue livre de pontos de exclamação

Ilustração de Pedro Vieira
Banda sonora
últ. comentários
Olá, estou a estudar Português e eu aconteceram em...
Claro, tinha que ser Nan Goldin! linda foto...
Que excelente descoberta a minha. Este blog é uma ...
Nem o Godot, nem o Supra-Camões, nem o D.Sebastião...
Parabens pelo destaque nos Blogs do sapo
mais comentados
arquivo
subscrever feeds
Sexta-feira, 12 de Fevereiro de 2010

O José Mário Silva sabe-a toda. Sabe-a de tal forma, que seria óbvio que o Senhor Palomar não seria capaz de ler aquele post e não dar resposta. Contudo, a questão de fácil formulação, tem apenas uma resposta de contornos complexos. É a vida.

 

O Senhor Palomar anda, continuará a andar, por aí. Atento e vigilante. Apenas mais silencioso. Um dia destes, o Senhor Palomar (não sabe quando) volta ao convívio livresco e blogosférico. Novidades aproximam-se, de facto, mas não será para breve.

 

Até lá, o único desejo é que os leitores continuem a ler bons blogues. Como o do José Mário, pois claro.



publicado por Senhor Palomar às 09:36
link do post | comentar | partilhar

4 comentários:
De andreia am a 12 de Fevereiro de 2010 às 14:45
O léxico do Senhor Palomar faz-me lembrar alguém que muito estimo. Longe de mim a veleidade de adivinhar quem é, mas achava giro se fosse quem me faz lembrar. Agora, o que não acho (nada) giro é mal ter chegado, ir-se já embora. As pessoas afeiçoam-se e assim, 'tá a ver? Vá então. Cá fico à espera do seu, por certo, arrasador regresso com este ou outro pseudónimo (ou diria melhor heterónimo?). Um beijinho de uma leitora muito e muito assídua.


De Fernando Frazao a 12 de Fevereiro de 2010 às 17:00
este post lembra-me a abertura de Sobreviventes de Sérgio Godinho.

Jorge
podes vir
mamã enfim, morta


De gaf a 17 de Fevereiro de 2010 às 16:23
Sérgio Godinho quando não plagia, plasma. Isso é de Alexandre O'Neil.


De Vítor Coelho da Silva a 20 de Fevereiro de 2010 às 10:26
Sem este blog a literatura e a blogosfera ficam mais pobres. Volte e deixe-se de "tretas" ;-) Bora lá voltar a escrever assiduamente, Mr. Palomar.


Comentar post

pesquisar
 
posts recentes

O movimento dos leitores ...

Freud e Jung, por Cronenb...

Sabor a Brasil.

Amalfitano.

Molly Bloom.

ligações
etiquetas

agradecimentos e referências ao sr. palo(76)

alêtheia(2)

angelus novus(3)

antígona(5)

assírio e alvim(9)

autores(508)

bertrand(7)

bibliotecas(5)

campo das letras(2)

casa das letras(2)

contraponto(1)

da literatura e de outras artes(58)

desaparecimentos(3)

design editorial(2)

divulgação(49)

e agora para algo completamente diferent(9)

edições 70(4)

edições nélson de matos(1)

editorial presença(8)

efemérides(2)

escritor é um bicho violento(6)

estado(1)

eventos(7)

fixações listas tops e directórios do sr(80)

gradiva(3)

guerra e paz(2)

guimarães editores(5)

histórias do livro(53)

leya asa(2)

leya caminho(11)

leya lua de papel(3)

leya oceanos(8)

leya publicações dom quixote(35)

leya teorema(11)

livreiros e livrarias(2)

livro de reclamações(1)

livro electrónico e outros gadgets(10)

livros(188)

manifestos(6)

nova vega(1)

o esplendor de portugal(1)

o senhor palomar agradece(8)

o senhor palomar ainda vai à bancarrota(1)

o senhor palomar confessa-se(34)

o senhor palomar dialoga(2)

o senhor palomar é falível e erra(3)

o senhor palomar entrevista(1)

o senhor palomar está ao serviço da comu(2)

o senhor palomar faz serviço público(1)

o senhor palomar não gosta de dar estas(1)

o senhor palomar recomenda(24)

o senhor palomar reflecte(1)

o senhor palomar responde(1)

o senhor palomar tem dúvidas(16)

o senhor palomar vai a votos(1)

oficina do livro(2)

penguin(1)

planeta(1)

polémicas(54)

porto editora(14)

prémios e distinções(29)

profissionais da edição(9)

quetzal editores(26)

quidnovi(1)

recensão literária(57)

relógio d'água(6)

revistas imprensa magazines(13)

saída de emergência(1)

sextante editora(1)

teatro(2)

tendências e géneros(14)

tinta-da-china(7)

todas as tags